Casa Produtos Tipos de termômetros: quais são, como usar e qual o melhor

Tipos de termômetros: quais são, como usar e qual o melhor

tipos de termometros quais sao como usar qual o melhor

Precisando de um termômetro para medir a sua temperatura ou até mesmo regular se existe alguém com uma potencial infecção? Conheça os melhores tipos de termômetros para cada situação!

O termômetro sempre foi um dos itens mais essenciais para as horas de emergência em saúde e controlar a temperatura corporal pode ser o diferencial na hora do diagnóstico por um médico.

Em um momento em que as famílias são incentivadas a permanecer dentro de casa o máximo possível para impedir a disseminação do novo Coronavírus, ter um termômetro em casa passou a ser mais do que necessário.

Como muitos outros itens, porém, eles estão sendo vendidos rapidamente nas farmácias.

Se você deseja comprar um termômetro, mas não sabe qual tipo escolher, não se preocupe! Reunimos as melhores dicas de especialistas sobre como escolher o melhor tipo, preços típicos e como usá-los adequadamente. 

Para que serve o termômetro?

O termômetro é um dispositivo próprio para medir a temperatura de algo ou alguém. No caso dos termômetros hospitalares, eles são projetados para medir a temperatura corporal do paciente.

São vários tipos de termômetros, eles podem ser de mercúrio, digitais ou por sensores e captam temperaturas em diferentes lugares, podendo ser utilizados nas axilas, orelhas, boca, reto e até mesmo sem qualquer contato com o paciente.

Quando usar os termômetros?

tipos de termometros quando usar

Os termômetros podem ser utilizados a qualquer hora e em qualquer situação.

Geralmente, são utilizados para medir a temperatura quando percebemos alguma alteração de temperatura corporal, que normalmente acompanha alguns sintomas.

Nos hospitais, eles são utilizados para a anamnese geral do paciente, assim que ele chega na unidade, ou como forma de controle de evolução de casos de infecções. 

Desde março, os termômetros também estão sendo utilizados para a verificação de temperatura de consumidores, nos estabelecimentos essenciais em funcionamento, para identificar e bloquear a entrada de possíveis contaminados pelo Covid-19. 

Quais são os tipos de termômetros?

Existem três tipos de termômetros no Brasil, sendo o termômetro de mercúrio o único proibido para comercialização.

Termômetro analógico (mercúrio)

tipos de termometros analogico mercurio

Os termômetros de mercúrio são os dispositivos mais antigos para medir temperatura. 

Eles são fabricados em um vidro fino e frágil, com uma quantidade pequena de mercúrio em um tubo capilar (da espessura de um fio de cabelo) em seu interior.

Como todos os líquidos, o mercúrio expande ao ser aquecido, o que faz com que ele chegue a uma certa altura dentro do tubo, que são marcadas com os valores em Celsius (C°) ou Fahrenheit (F°). 

Quanto mais quente, mais alto o mercúrio chega e assim são medidas as temperaturas.

Por causa da toxidade do mercúrio, estão proibidas as vendas e distribuições dos termômetros de mercúrio no Brasil, desde 1 de janeiro de 2019. O uso do mercúrio pode trazer riscos para a saúde e para o meio ambiente.

No entanto, este ainda é um recurso comum, encontrado na maioria das casas brasileiras.

Se você tem um termômetro de mercúrio em casa, não há problemas em continuar usando, desde que tome os devidos cuidados para que o vidro não se quebre.

Mas, se você tiver crianças em casa, o ideal é que troque o seu termômetro para um termômetro digital, para evitar acidentes. 

Tente se afastar dos termômetros de mercúrio à moda antiga – o mercúrio é tóxico e ainda deixa substâncias difíceis de limpar se você acabar quebrando o seu termômetro.

E não se esqueça de descartar o seu termômetro de mercúrio corretamente!

Termômetro digital

O termômetro digital é o tipo mais comum de termômetro e uma boa opção básica. Eles produzem leituras precisas quando usados corretamente. 

Você pode colocar o termômetro embaixo da axila, mas obterá uma leitura mais precisa se medir dentro da boca, onde ele deve ficar embaixo da língua. 

A única desvantagem real é que pode ser um pouco desconfortável ficar com ela embaixo da língua por alguns minutos, e você precisará higienizá-lo intensamente entre os usos. 

Você também precisa seguir as instruções com cuidado – geralmente elas envolvem não ter tomado uma bebida ou comida quente, ou fria por 30 minutos antes de medir sua temperatura, ou ter acabado de fazer exercícios.

Infravermelho ou termômetro sem contato

tipos de termometros infravermelho ou sem contato

Como o nome sugere, com termômetros sem contato, você não precisa pressionar o dispositivo contra a pele ou colocá-lo na boca. 

Esses tipos de termômetro usam a tecnologia de infravermelho para detectar o calor proveniente da superfície da sua pele. 

Termômetros sem contato tendem a ser mais caros, mas é o ideal para verificar a temperatura sem contato direto com as pessoas, o que requer uma frequência menor de higienização e agiliza o serviço.

O termômetro infravermelho e sem contato é o mais indicado para comércios e serviços essenciais.

Quais as formas de medição para os tipos de termômetros?

Cada termômetro oferece uma possibilidade para medir a temperatura de uma pessoa. São elas:

Axilar

tipos de termometros axilar

Este método é recomendado para qualquer pessoa acima dos 3 anos de idade.

Você deverá colocar o termômetro na axila e deixar descansar por, no mínimo, 3 minutos. 

Os termômetros digitais são equipados com um bip, que auxiliam na medição do tempo. Mas, se ainda estiver utilizando o termômetro de mercúrio, deverá ficar de olho no relógio.

A temperatura axilar normal é de 35,5°C a 37,2°C. O ideal é que você sempre acrescente 1°C para saber a temperatura corporal geral.

Auricular

tipos de termometros auricular

Só é possível medir a temperatura auricular com um termômetro digital, fabricado especialmente para medir a temperatura do tímpano.

Por ser mais sujeita a grandes variações, o recomendável é que se faça a medição sempre na mesma orelha.

Basta inserir a ponta do termômetro na orelha e apontá-la na direção do nariz, sempre com cuidado para não lesionar o tímpano. Agora, basta esperar o sinal sonoro para verificar a temperatura no mostrador.

É importante ter em mente que a medição auricular pode não ser a mais recomendável, principalmente em casos gripais, já que excesso de cera no ouvido ou uma otite simples podem interferir nos resultados.

Este método não é recomendável para bebês ou crianças agitadas. A temperatura auricular normal é de 36°C a 37,8°C.

Bucal

tipos de termometros bucal

A medição de temperatura através da boca é um dos métodos mais simples e recomendado para todas as idades.

Basta colocar o termômetro digital ou de mercúrio embaixo da língua e esperar cerca de dois minutos.

É importante ter o cuidado de não ingerir líquidos ou alimentos, gelados ou quentes, por aproximadamente 30 minutos antes de fazer a medição. 

Nos casos de termômetro de mercúrio, todo cuidado é pouco para que o termômetro não se quebre.

A temperatura normal, quando medida pela boca, varia entre 36,6°C e 37,5°C.

Retal

É a medição mais precisa, indicada principalmente para bebês. Basta inserir o termômetro no ânus e esperar cerca de dois minutos, ou até ouvir o sinal sonoro.

A temperatura normal retal pode variar entre 36°C e 37,5°C.

Em qualquer uma das medições colocadas acima, é necessária a higienização correta do termômetro, antes do uso e antes de guardá-lo ou utilizá-lo em outro paciente.

Sem contato

tipos de termometros sem contato

Os termômetros por infravermelho podem medir a temperatura sem a necessidade de tocar o paciente.

Basta apontar o sensor infravermelho para a testa e esperar até que a leitura seja feita. 

A única recomendação para este método é que deixe o termômetro se adequar à temperatura do ambiente, antes de usar. O ideal é deixá-lo no local de uso ou esperar 15 minutos, caso mude de lugar.

Como o tempo de leitura é quase instantâneo e a ausência de contato diminui a necessidade de higienização entre usos, pode ser utilizado, por exemplo, nas filas de farmácias e supermercados, como medida de enfrentamento ao Covid-19.

Como usar os tipos de termômetros corretamente?

Para utilizar qualquer tipo de termômetro corretamente você deverá ler para quais locais o seu dispositivo é indicado. Essa informação pode ser encontrada facilmente nos manuais de instrução.

Antes de medir a temperatura, lave as suas mãos com água corrente e sabão e higienize o termômetro. Você pode higienizá-lo com solução de álcool em gel ou líquido a 70%. Coloque o termômetro no local mais indicado para a pessoa. 

No caso de termômetros infravermelho, aponte para a testa do paciente. Não é necessária a higienização se você mantiver uma distância segura do paciente.

Afinal, qual é o melhor termômetro?

tipos de termometros qual o melhor

O melhor tipo de termômetro vai depender da situação de uso.

Se você precisar de um termômetro para a sua casa, clínica ou hospital, poderá optar pelo termômetro digital comum, que tem um uso mais simplificado.

Em casos de comércios e serviços essenciais, com medidas de enfrentamento para o novo Coronavírus, o termômetro ideal é por infravermelho, sem contato.

Para proteger a sua família ao máximo e evitar que infecções possam ser passadas entre pacientes, o termômetro sem contato é o mais indicado.

Como usar o termômetro infravermelho digital?

O termômetro de infravermelho pode assustar à primeira vista, mas ele pode ser um dispositivo bem simples de se usar. Olha só:

Passo 1: preparando o termômetro

A maioria dos termômetros infravermelho possuem duas opções para medir a temperatura: coisas e pessoas.

No nosso caso, nós vamos utilizar o método “pessoas” ou “corpo” do seu termômetro.

Para ligar o termômetro, basta apertar o gatilho uma vez ou virar o interruptor para o modo “on”.

Depois de ligar o termômetro, você precisará configurá-lo para o uso em pessoas. Clique em “modo” e selecione a temperatura em Celsius (°C).

Clique no botão correspondente à “pessoas” ou “corpo” e o seu termômetro estará pronto para o uso.

Lembre-se de checar o nível das pilhas ou bateria do seu termômetro.

Passo 2: funcionamento do termômetro

Para que a temperatura possa ser medida, você precisará estar a uma distância de, no mínimo, 5 cm do objeto ou pessoa.

Com o seu aparelho previamente configurado, aponte para a pessoa e aperte gatilho. Ele precisará de alguns segundos para fazer a leitura e, quando obtiver os resultados, o termômetro dará um sinal de aviso.

Passo 3: posição certa

tipos de termometro sem contato posicao certa

O ideal é que o termômetro seja apontado reto para a testa do paciente, com o cuidado para não ultrapassar a distância mínima.

Passo 4: verificação

Os resultados poderão ser visualizados na tela do seu termômetro. Certifique-se de anotá-los e informar ao médico, caso necessário.

Alguns modelos oferecem “memória” para guardar um histórico de 25 medições, mas você deverá saber a data e o horário em que elas ocorreram.

Passo 5: como guardar

Você poderá guardar o seu termômetro na própria caixinha, em um local seco, arejado e protegido da luz do sol. 

Alguns modelos oferecem uma bolsinha para armazenamento que também podem ser utilizadas.

Evite colocar peso ou deixar o seu termômetro cair. Em caso de uso esporádico, você também deverá guardá-los sem as pilhas.

Como fazer a limpeza dos termômetros?

A esterilização do termômetro após cada uso impede a contaminação de outras pessoas da sua família. Também mantém o sensor livre de qualquer coisa que possa interferir nas leituras precisas. 

Limpe o termômetro antes e após cada uso. Você pode usar uma tampa descartável do termômetro para reduzir a contaminação do sensor, mas ainda é uma boa ideia limpá-lo após cada uso.

Uma maneira rápida e fácil de esterilizar o termômetro é limpá-lo com álcool. Você pode usar lenços de álcool ou embeber um lenço descartável ou uma bola de algodão em álcool. 

Para pequenas fendas, use um cotonete embebido em álcool. Deixe o álcool secar completamente ou lave a ponta do termômetro em água fria antes de usá-lo.

Outra opção é lavar o termômetro com água morna e sabão. Lave a ponta com água fria. Água quente pode afetar o sensor. Nunca mergulhe o termômetro inteiro em água. A limpeza a vapor também é potencialmente prejudicial para os termômetros digitais.

Conclusão

Os termômetros são itens essenciais nos kits de emergência domésticos e nas clínicas e hospitais. Eles podem ser ótimos aliados na hora de detectar novas infecções, acompanhar a evolução e até mesmo auxiliar no combate do novo Coronavírus.

Independentemente de qual seja o tipo de termômetro escolhido, o uso correto ajuda na checagem de temperatura de forma mais precisa, para que você possa saber exatamente como o seu caso está evoluindo.

Confira nossos outros artigos sobre saúde e cuidados com a higiene pessoal:

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dez − 9 =