CENTRAL DE ATENDIMENTO: (11)3090-4336 | vendas@mobiloc.com.br

Carrinho (0) Fechar

Nenhum produto no carrinho.

Casa Saúde Oximetria: o que é e como funciona o oxímetro de pulso?

Oximetria: o que é e como funciona o oxímetro de pulso?

oximetria o que e como funciona oximetro pulso

A oximetria é um teste não invasivo e indolor que mede o nível de saturação de oxigênio ou os níveis de oxigênio no sangue.

Ele pode detectar rapidamente até pequenas mudanças na eficiência com que o oxigênio está sendo transportado para as extremidades mais distantes do coração, incluindo as pernas e os braços.

O oxímetro é um pequeno dispositivo em forma de clipe que se liga a uma parte do corpo, como dedos ou lóbulo da orelha. 

É mais comum colocar um dedo e é frequentemente usado em ambientes de cuidados intensivos, como pronto-socorro ou hospitais. Alguns médicos, como pneumologistas, podem usá-lo no consultório.

Neste artigo, vamos conhecer o que é a oximetria. Saiba como funciona o exame e qual a sua importância. Confira!

Oximetria: o que é esse exame?

A oximetria é um teste usado para medir o nível de oxigênio (saturação de oxigênio) do sangue. 

É uma medida fácil e indolor de quão bem o oxigênio está sendo enviado para partes do corpo mais afastadas do coração, como braços e pernas. Um dispositivo tipo clipe chamado sonda é colocado em uma parte do corpo, como um dedo ou lóbulo da orelha. 

A sonda usa a luz para medir a quantidade de oxigênio no sangue. Essas informações ajudam o profissional de saúde a decidir se uma pessoa precisa de oxigênio extra.

oximetria o que e esse exame
A oximetria é um teste usado para medir o nível de oxigênio do sangue

O que é oxímetro? 

Um oxímetro é um dispositivo usado para monitorar a quantidade de oxigênio transportado no corpo. 

Essa ferramenta não invasiva se conecta sem dor à ponta do dedo, enviando dois comprimentos de onda de luz através do dedo para medir sua taxa de pulso e quanto oxigênio há no seu sistema vascular. 

Uma vez que o oxímetro termine sua avaliação, sua tela exibirá a porcentagem de oxigênio no sangue proveniente do seu coração, bem como sua taxa de pulso atual. 

Como o exame de oximetria é realizado?

A oximetria de pulso pode ser usada em ambientes ambulatoriais e ambulatoriais. Em alguns casos, seu médico pode recomendar que você tenha um oxímetro de pulso para uso doméstico.

O processo de oximetria é o seguinte:

  • Geralmente, um dispositivo tipo clipe será colocado no seu dedo, lóbulo da orelha ou dedo do pé. Você pode sentir uma pequena quantidade de pressão, mas não há dor ou beliscão. 
  • Em alguns casos, uma pequena sonda pode ser colocada no dedo ou na testa com um adesivo adesivo. 
  • Você pode ser solicitado a remover o verniz das unhas, se estiver sendo fixado a um dedo. 
  • Além disso, você manterá a sonda durante o tempo necessário para monitorar seu pulso e saturação de oxigênio. 
  • Ao monitorar os recursos de atividade física, isso ocorrerá durante a extensão do exercício e durante o período de recuperação. 
  • Durante a cirurgia, a sonda será anexada previamente e removida quando você acordar e não estiver mais sob supervisão. Às vezes, ele será usado apenas para fazer uma única leitura muito rapidamente.
  • Após o término do teste, o clipe ou sonda será removido.
oximetria como exame e realizado
A oximetria de pulso pode ser usada em ambientes ambulatoriais.

Qual o nível de saturação normal medido pelo oxímetro?

A oximetria geralmente é um teste bastante preciso. Isto é especialmente verdade quando se utiliza equipamento de alta qualidade encontrado na maioria dos consultórios médicos ou hospitais. 

Ele fornece consistentemente resultados com uma diferença de 2%, independentemente do que realmente é. 

Se sua leitura foi de 82%, por exemplo, seu verdadeiro nível de saturação de oxigênio pode estar entre 80 e 84%. 

No entanto, a qualidade da forma de onda e a avaliação do indivíduo devem ser consideradas. Fatores como movimento, temperatura ou esmalte de unhas podem afetar a precisão.

Normalmente, mais de 89% do seu sangue deve estar transportando oxigênio. Este é o nível de saturação de oxigênio necessário para manter suas células – e seu corpo – saudáveis. 

Embora não se acredite que uma saturação de oxigênio abaixo disso temporariamente cause danos, instâncias repetidas ou consistentes de níveis baixos de saturação de oxigênio podem ser prejudiciais.

Um nível de saturação de oxigênio de 95% é considerado normal para a maioria das pessoas saudáveis. Um nível de 92% indica hipoxemia potencial ou deficiência de oxigênio que atinge os tecidos do corpo.

Quais os riscos e efeitos da baixa saturação?

Níveis baixos de oxigênio no sangue podem resultar em circulação anormal e causar os seguintes sintomas:

  • Falta de ar;
  • Dor de cabeça;
  • Inquietação;
  • Tontura;
  • Respiração rápida;
  • Dor no peito;
  • Confusão;
  • Pressão alta;
  • Falta de coordenação;
  • Distúrbios visuais;
  • Sensação de euforia;
  • Batimento cardíaco acelerado.

Hipoxemia, ou níveis de oxigênio abaixo dos valores normais, podem ser causados ​​por:

  • Oxigênio insuficiente no ar;
  • Incapacidade dos pulmões de inalar e enviar oxigênio a todas as células e tecidos;
  • Incapacidade da corrente sanguínea circular para os pulmões, coletar oxigênio e transportá-lo pelo corpo.

Como funciona o oxímetro de dedo?

Um oxímetro de dedo funciona brilhando luz de LED através do dedo. Os sensores detectam a quantidade de oxigênio no sangue, com base na maneira como a luz passa pelo dedo. 

A oximetria é a tecnologia que calcula os resultados para exibir um número na tela do oxímetro que informa a porcentagem de oxigênio no sangue. 

Um oxímetro também mede sua taxa de pulso.

oximetria como funciona oximetro dedo
Um oxímetro de dedo funciona brilhando luz de LED através do dedo

Quando é recomendado utilizar o oxímetro de dedo?

Os oxímetros de pulso são úteis para pessoas que têm condições que afetam a saturação de oxigênio. 

Por exemplo, um especialista em sono pode recomendar um oxímetro de pulso para monitorar o nível noturno de saturação de oxigênio de alguém com suspeita de apneia do sono ou ronco grave.

A oximetria de pulso também pode fornecer feedback sobre a eficácia das intervenções respiratórias, como oxigenoterapia e ventiladores.

Alguns médicos usam a oximetria de pulso para avaliar a segurança da atividade física em pessoas com problemas cardiovasculares ou respiratórios, ou podem recomendar que uma pessoa use um oxímetro de pulso durante o exercício. 

Um médico também pode usar a oximetria de pulso como parte de um teste de estresse. Alguns hospitais também usam oxímetros de pulso para pacientes particularmente vulneráveis. 

Por exemplo, bebês em unidades de terapia intensiva neonatais podem usar oxímetros de pulso, o que pode alertar a equipe sobre uma queda na saturação de oxigênio.

Conheça as opções de oxímetros disponíveis na Mobiloc!

O que é o oxímetro de pulso?

Todo sistema e órgão do corpo precisa de oxigênio para sobreviver. Sem oxigênio, as células começam a funcionar mal e eventualmente morrem. 

A morte celular pode causar sintomas graves e, finalmente, levar à falência de órgãos.

O corpo transporta oxigênio para os órgãos, filtrando-o pelos pulmões. Os pulmões distribuem oxigênio no sangue através das proteínas da hemoglobina, nos glóbulos vermelhos. Essas proteínas fornecem oxigênio para o resto do corpo.

A oximetria de pulso mede a porcentagem de oxigênio nas proteínas da hemoglobina, a famosa saturação de oxigênio. Relembrando: saturação de oxigênio geralmente indica a quantidade de oxigênio que chega aos órgãos.

Como funciona o oxímetro de pulso?

oximetria como funciona oximetro de pulso
Medição e funcionamento do oxímetro de pulso

Um oxímetro de pulso funciona passando um feixe de luz vermelha e infravermelha através de um leito capilar pulsante.

O dispositivo pode ser conectado a um dedo, pulso, pé ou qualquer outra área onde o dispositivo possa ler o fluxo sanguíneo.

O equipamento funciona com base no princípio de que o sangue oxigenado tem uma cor mais forte de vermelho que o sangue desoxigenado, que é mais roxo-azulado.

Primeiro, o oxímetro mede a soma da intensidade de ambas as tonalidades de vermelho, representando as frações do sangue com e sem oxigênio. O aparelho detecta o pulso e subtrai a intensidade da cor detectada quando o pulso está ausente.

A intensidade remanescente de cor representa apenas o sangue vermelho oxigenado. Isso é exibido na tela eletrônica como uma porcentagem da saturação de oxigênio no sangue.

Quando é recomendado utilizar o oxímetro de pulso?

A oximetria de pulso pode ser usada para verificar se há oxigênio suficiente no sangue. Esta informação é necessária em muitos tipos de situações. 

A saturação de oxigênio no sangue pode ser usado:

  • Durante ou após a cirurgia ou procedimentos que usam sedação;
  • Ver como os remédios para pulmão estão funcionando;
  • Para verificar a capacidade de uma pessoa para lidar com o aumento dos níveis de atividade;
  • Ver se um ventilador é necessário para ajudar a respirar ou para ver se está funcionando bem;
  • Verificar se uma pessoa tem momentos em que a respiração pára durante o sono (apneia do sono).

A oximetria de pulso também é usada para verificar a saúde de uma pessoa com qualquer condição que afete os níveis de oxigênio no sangue, como:

  • Ataque cardíaco;
  • Insuficiência cardíaca;
  • Doença pulmonar obstrutiva crônica (DPOC);
  • Anemia;
  • Câncer de pulmão;
  • Asma, e;
  • Pneumonia.

Há uma razão pela qual os oxímetros de pulso são amplamente utilizados em instalações médicas, clínicas médicas e até nas casas dos pacientes.

Geralmente, eles fornecem leituras precisas e no local, o que é um recurso valioso, especialmente em casos de emergência.

Seu médico pode ter outros motivos para aconselhar a medição do nível de saturação do oxigênio no sangue.

Quais as vantagens do uso do oxímetro de pulso?

oximetria vantagens oximetro de pulso
Vantagens do oxímetro para pacientes e médicos

Os oxímetros de pulso são úteis para pessoas que têm condições especiais de saúde que afetam a saturação de oxigênio. 

Por exemplo, um especialista em sono pode recomendar um oxímetro para monitorar o nível noturno de saturação de oxigênio de alguém com suspeita de apneia do sono ou ronco grave.

A oximetria também pode fornecer feedback sobre a eficácia das intervenções respiratórias, como oxigenoterapia e ventiladores.

Alguns médicos usam a oximetria também para avaliar a segurança da atividade física em pessoas com problemas cardiovasculares ou respiratórios, ou podem recomendar que uma pessoa use um oxímetro de pulso durante o exercício físico. 

Um médico também pode usar a oximetria como parte de um teste de estresse. Alguns hospitais também usam oxímetros de pulso para pacientes particularmente vulneráveis. 

Por exemplo, bebês em unidades de terapia intensiva neonatais podem usar oxímetros de pulso, o que pode alertar a equipe sobre uma queda na saturação de oxigênio.

Quais os riscos da oximetria de pulso?

Todos os procedimentos possuem alguns riscos. Os riscos deste procedimento podem incluir:

  • Leitura incorreta se a sonda cair do lóbulo da orelha, dedo do pé ou dedo;
  • Irritação cutânea do adesivo na sonda;

Seus riscos podem variar dependendo da sua saúde geral e outros fatores. Pergunte ao seu médico quais riscos se aplicam mais a você. Fale com ele sobre quaisquer preocupações que você tenha.

Erros na oximetria de pulso

Embora um oxímetro de pulso SpO2 forneça dados confiáveis, não há garantia de que seja à prova de erros. 

Pode fornecer resultados imprecisos em caso de movimento excessivo ou quando é feito em um ambiente com luz ambiente, bem como em pacientes com esmalte nos dedos. 

Também é importante observar que um oxímetro não pode diferenciar entre as diferentes formas de hemoglobina. 

Por exemplo, a carboxihemoglobina já é 90% oxigenada e 10% dessaturada, o que pode levar a resultados superestimados.

Um dispositivo aparentemente simples, como o oxímetro de pulso, pode salvar uma vida

No caso de uma medição de baixa saturação de oxigênio, que mede abaixo da faixa normal de 95 a 100%, procure sinais visíveis de dificuldade respiratória e procure ajuda médica imediatamente.

Tipos de oxímetro de pulso

E como era de se esperar, não adianta nada ter todos os conhecimentos sobre oximetria se você não tem um oxímetro de pulso de qualidade.

No mercado de equipamentos médicos, existem muitos aparelhos de fabricantes confiáveis, com garantia e resultados mais precisos, mas também existem equipamentos de segunda linha, com resultados duvidosos.

Por isso, a Mobiloc selecionou os cinco equipamentos mais bem avaliados do mercado e utilizados pelas melhores clínicas e hospitais

Oxímetro de pulso da G-Tech Led

Compacto e altamente preciso nas medições, o oxímetro de pulso da G-Tech é a opção ideal para medições domésticas.

Ideal para profissionais de saúde de cuidados domésticos, ele possui visor em LED para fazer aferições em qualquer horário do dia.

Ainda informa, além da saturação, a frequência cardíaca com leitura simplificada.

Veja as melhores condições e adquira já seu oxímetro da G-Tech na Mobiloc!

Oxímetro de pulso portátil G-Tech Oled Graph

Este aparelho de alta precisão pode ser utilizado tanto por profissionais de saúde como por pacientes no ambiente doméstico para monitorização da percentagem de saturação de oxigênio no sangue (SpO2) e dos batimentos cardíacos por minuto.

Também tem se tornado bastante popular entre treinadores esportivos pelo melhor tempo de resposta quando comparado a outros similares no mercado.

Confira as melhores condições para o oxímetro G-Tech Oled Graph na Mobiloc!

O que acontece após a oximetria de pulso?

Quando o teste terminar, seu médico terá as leituras disponíveis imediatamente. Isso os ajudará a determinar se outros testes ou tratamentos são necessários. 

Se você está avaliando o sucesso de sua terapia de suplementação de oxigênio, por exemplo, uma leitura que ainda esteja no lado de baixo pode indicar a necessidade de mais oxigênio.

Você provavelmente pode ir para casa depois do teste, a menos que você esteja no hospital por outro motivo. Além disso, você pode voltar à sua dieta e atividades normais conforme instruído pelo seu médico.

Seu médico poderá dizer quais são os próximos passos.

Se você estiver usando oximetria de pulso em casa, eles informarão com que frequência você deve fazer suas leituras e o que fazer se elas estiverem acima ou abaixo de certos níveis.

Quais a diferença entre oxímetro de mesa e portátil?

Oxímetros de mesa são normalmente utilizados em hospitais e centros de terapia intensiva já que funcionam através de bateria ou por fonte de alimentação direta da rede elétrica.

Estes aparelhos são facilmente transportáveis.

Já oxímetros conhecidos como portáteis ou dedo são de fácil acomodação, cabendo em um bolso de jaleco por exemplo.

São geralmente mais comuns para os profissionais de saúde e pessoas que necessitam de um monitoramento frequente no nível de saturação de oxigênio do sangue.

Conclusão

Os dispositivos para oximetria não são invasivos e não apresentam riscos sérios. Algumas pessoas experimentam irritação menor, incluindo sensibilidade e vermelhidão da pele.

Se encaixados com muita força e usados ​​por um período prolongado, os oxímetros de pulso podem cortar o oxigênio dos vasos circundantes. 

Qualquer pessoa que sinta dormência, formigamento ou alteração na cor da pele deve notificar imediatamente um médico.

O principal risco de oximetria é uma leitura falsa. A precisão dos oxímetros de pulso depende de um ajuste correto, e pequenas alterações em seu posicionamento, podem produzir uma leitura imprecisa. 

Uma pessoa que rola durante o sono pode afrouxar o dispositivo, causando um alerta falso.

A saturação de oxigênio também pode mergulhar por breves períodos devido a outros fatores, como uma mudança na posição de dormir ou uma respiração momentânea. Um oxímetro emite um alerta mesmo quando a queda é temporária e inofensiva.

Por isso, é muito importante que você siga as instruções do seu médico para utilizar o oxímetro e obter uma boa leitura.

Ter um aparelho preciso e de fácil interpretação de leitura se torna crucial para que o profissional de saúde possa ter a certeza de que tudo vai bem.

Só na Mobiloc você encontra uma seleção com os melhores oxímetros do mercado brasileiro, com preços imperdíveis e condições de entrega diferenciadas.

Você também pode falar com um de nossos especialistas para encontrar o oxímetro ideal para você, seja no uso doméstico, clínico ou hospitalar. Fale com um consultor!

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

11 + treze =