Casa Produtos Equipamentos Médicos Hospitalares [Guia Completo]

Equipamentos Médicos Hospitalares [Guia Completo]

equipamentos medicos hospitalares guia completo

Você sabia que existem mais de 10 mil tipos de equipamentos hospitalares? A lista é muito grande e pode confundir novos empreendedores de clínicas e consultórios, sobre a importância de cada um deles.

Na hora de escolher os equipamentos, existem diversos fatores que devem ser considerados, como tipo de instalação de saúde, força de trabalho disponível, área dos especialistas e etc.

Montar uma lista de equipamentos universal pode ser muito difícil, mas existem os equipamentos básicos, utilizados em quase todas as especialidades e é nessa parte que vamos te ajudar.

Montamos este guia baseado nas recomendações da Organização Mundial da Saúde e da Anvisa, para facilitar o seu trabalho na hora de escolher os equipamentos médicos certos para você ou para o seu negócio.

O que são equipamentos médicos hospitalares?

equipamentos medicos hospitalares o que sao

Os equipamentos médicos são os aparelhos destinados para o uso médico, no diagnóstico ou recuperação dos pacientes.

Eles beneficiam à todos, ajudando os prestadores de serviços de saúde a diagnosticar e tratar pacientes, ajudando-os a superar doenças ou enfermidades, melhorando sua qualidade de vida.

É importante entender quais tipos diferentes de equipamentos médicos hospitalares estão disponíveis. Diferentes tipos de aparelhos oferecem funções diferentes e eles funcionam perfeitamente juntos para garantir que os pacientes sejam tratados adequadamente.

Equipamento de diagnóstico

Equipamento médico de diagnóstico é qualquer tipo de equipamento ou ferramenta usada em ambiente hospitalar com o único objetivo de diagnosticar a condição de um paciente.

Com base nos sintomas descritos pelo paciente, é realizado um teste de diagnóstico usando o equipamento apropriado para avaliar o paciente internamente. 

O médico ou técnico está procurando por quaisquer anormalidades nos órgãos, ou partes do corpo afetadas que estejam causando a exibição dos sintomas.

Equipamento Médico Durável (DME)

Este tipo de equipamento médico é usado principalmente para fornecer benefícios terapêuticos para certas condições ou doenças. 

O uso deste equipamento deve ser prescrito por um médico, projetado para servir a um propósito médico. 

É um dispositivo reutilizável e de longo prazo que pode ser usado no hospital ou em casa para atendimento ao paciente. O termo “durável” deriva do fato de que esses tipos de aparelhos foram testados quanto à qualidade. 

Eles são projetados para fornecer suporte à segurança e conforto dos pacientes. Eles devem ser capazes de entregar exatamente isso. 

Algumas das características comuns de equipamentos médicos hospitalares duráveis ​​incluem características antiderrapantes e resistência à carga. 

Como este equipamento é prescrito pelo médico para o benefício do paciente, o custo de aquisição de um é frequentemente coberto pelos planos de saúde.

Equipamento de tratamento

equipamentos medicos hospitalares tratamento

Equipamento de tratamento é qualquer tipo de dispositivo ou ferramenta médica projetada para tratar uma condição específica. 

Utiliza tecnologia moderna, a fim de resolver quaisquer anormalidades para restaurar a função nos órgãos ou tecidos afetados dentro do corpo. 

Isso também pode incluir os suprimentos cirúrgicos projetados para fornecer tratamento para certas condições que requerem intervenção cirúrgica.

Equipamento de Suporte à Vida

Como o nome indica, os equipamentos de suporte à vida são aqueles dispositivos médicos destinados a manter a função corporal de um paciente. 

Sem suporte de vida, será difícil para os sistemas orgânicos do paciente funcionar por conta própria.

Confira equipamentos de qualidade que podem fazer toda a diferença no seu negócio!

Qual a classificação definida pela Anvisa?

A Agência Nacional de Vigilância Sanitária possui em seu site uma série de definições e classificações para os mais diversos tipos de equipamentos médicos utilizados no Brasil.

As classes variam entre I e VI, sendo a primeira de equipamentos de baixo risco e a última para equipamentos de alto risco.

Esta classificação serve para dizer quais os riscos do uso de cada equipamento, tanto para pacientes, quanto para médicos e enfermeiros.

Em cada uma destas classificações acima, podemos encontrar regras de enquadramento para finalidade e uso dos materiais.

No total, a Anvisa dispões de 18 regras, divididas entre as 4 classificações, que podem ser encontradas no RDC nº 185/01.

Regras para enquadramento dos equipamentos médicos

A classificação de cada equipamento médico hospitalar deverá ser feita logo na fabricação ou importação. 

Somente após a classificação e registro, os equipamentos médicos são liberados para comercialização e consumo no mercado brasileiro.

A classificação é feita de acordo os riscos do uso de cada equipamento médico que possa ser utilizado, desde termômetros até aparelhos de ultrassom ou equipos de soro.

Essa classificação é necessária para determinar quais os tipos de documentação que cada equipamento deverá ter, incluindo testes de qualidade.

Acessando a página oficial da Anvisa, é fácil encontrar a classificação de equipamentos médicos que se divide em:

  • Classe I: equipamentos de baixo risco;
  • Classe II: equipamentos de médio risco;
  • Classe III: equipamentos de alto risco;
  • Classe IV: equipamentos de máximo risco.

Classes de equipamentos médicos hospitalares

Além das 4 principais classificações dos equipamentos médicos, também temos 18 regras, divididas entre as classificações, nas quais a Anvisa se baseia para determinar os critérios que cada aparelho deverá obedecer.

São elas:

  • Regras 1, 2, 3 e 4: Produtos não invasivos; 
  • Regras 5, 6, 7 e 8: Produtos invasivos;
  • Regras 9, 10, 11, 12: Produtos ativos;
  • Regras 13, 14, 15, 16, 17 e 18: Regras Especiais.

As classificações também são válidas para equipamentos que dependem de outros equipamentos, como por exemplo, os equipos e as bombas infusoras

Cada um recebe uma classificação e se aplica às regras, separadamente, assim como qualquer outro acessório que possa ser utilizado.

Recomendações para aplicar as regras de classificação

equipamentos medicos hospitalares recomendacoes aplicar regras classficacao

Todas as empresas que buscam obter uma autorização para importação de equipamentos médicos ou fabricação, precisam iniciar o processo de regularização de cada equipamento, de acordo com o RDC nº 185/01.

As regras foram estabelecidas com o objetivo de gerenciar a qualidade do que é vendido dentro do Brasil, para evitar lesões, alergias e até mortes por mau funcionamento de cada aparelho médico hospitalar.

Além disso, as empresas também devem garantir qualidade na embalagem, armazenamento, normas de uso e instalação e devem manter um registro estatístico do produto, apontando se ele manteve a qualidade e o bom funcionamento em todos os casos.

A qualidade dos equipamentos médicos hospitalares está diretamente ligada à qualidade nos atendimentos e serviços médicos brasileiros e, por isso, devemos exigir sempre o cumprimento de todas as normas.

Confira os melhores equipamentos hospitalares na Mobiloc!

Quais são os equipamentos hospitalares?

Os equipamentos médicos hospitalares são todos os equipamentos que envolvem o diagnóstico e recuperação do paciente.

Os equipamentos são bens reutilizáveis, que abrangem desde o mobiliário, até os equipamentos de tecnologia hospitalar, como um aparelho de raio-x ou um termômetro.

Sempre que você se perguntar quais são os equipamentos médicos hospitalares de sua clínica ou consultório, lembre-se de incluir todo o mobiliário (macas, camas, cadeiras, ferramentas cirúrgicas), assim como os eletrônicos que você utiliza (ultrassom, aparelho de pressão).

Diferentemente dos insumos hospitalares, os equipamentos médicos não são jogados fora após o uso, podendo ser higienizado e reutilizado em outros pacientes.

O que são insumos hospitalares?

Os insumos hospitalares são itens de uso único, descartáveis, perecíveis ou não duráveis. Podemos incluir na lista de insumos hospitalares os medicamentos, lâminas de bisturis, máscaras, toucas, seringas e etc.

Ao contrário dos equipamentos médicos hospitalares, os insumos devem ser adquiridos periodicamente e descartado após o uso.

De acordo com o Ministério da Saúde, os insumos hospitalares incluem equipamento de proteção individual, fármacos, materiais de higiene e limpeza, descartáveis e papelaria.

Relação de equipamentos médicos hospitalares

Desfibriladores

Comumente usado em situações de risco de vida, como arritmias cardíacas ou taquicardia, os desfibriladores restauram o ritmo normal do coração. 

São ferramentas essenciais para o primeiro socorros de pacientes em qualquer setor da unidade.

Veja as melhores opções de desfibriladores externos portáteis!

Eletrocardiógrafo

equipamentos medicos hospitalares eletrocardiografo

As máquinas de eletrocardiograma (ECG) registram a atividade elétrica do coração durante um período de tempo e permitem que os profissionais de saúde monitorem o ritmo geral do coração e identifiquem quaisquer anormalidades.

Garanta condições imperdíveis para eletrocardiógrafos!

Oxímetro

Os oxímetros monitoram a oxigenação presente no sangue dos pacientes durante um período de tempo ou continuamente. 

Assim, é possível monitorar se os pulmões do paciente estão funcionando corretamente, se a respiração está suficiente e se todos os órgãos estão recebendo oxigênio adequadamente.

Precisando de um oxímetro? A Mobiloc tem!

Cadeira para coleta de sangue

A cadeira para coleta de sangue é item essencial para consultórios e laboratórios. Ele dá o suporte adequado para que o sangue seja coletado corretamente, sem lesionar veias ou artérias dos pacientes.

Veja as mais variadas opções da Mobiloc de cadeiras para coleta de sangue!

Carrinho de emergência

Carrinhos de emergência podem salvar a vida de seus pacientes. Ele te dará espaço e divisórias padronizadas, para facilitar na localização de itens e agilizar o atendimento.

Não deixe o pior acontecer para garantir um carrinho de emergência. Clique aqui e garanta o seu!

Hamper

O hamper é um equipamento essencial na prevenção de infecção hospitalar e infecção cruzada.

É no hamper que todo o material de pano lavável, como lençóis, uniformes, jalecos, pijamas, cobertores e etc, é descartado para esterilização.

A estrutura em metal pode ser facilmente higienizada e o saco de pano pode ser retirado e lavado com os demais objetos. 

Existem também os hampers de descarte de materiais de curativos grandes. Estes, são equipados com saco plástico branco, que é trocado e as hastes higienizadas a cada uso.

Confira nossas opções de hamper!

Maca hospitalar

O transporte de pacientes é muito importante ao lidar com emergências. Este equipamento é um item indispensável para os hospitais manterem à mão enquanto os pacientes encaminham seus cuidados.

Confira as melhores macas hospitalares!

Balança antropométrica

As medidas antropométricas são usadas para avaliar o tamanho, forma e composição do corpo humano

Os métodos comuns usados ​​para coletar essas medidas, são o IMC, razão cintura-quadril, teste de dobras cutâneas e impedância bioelétrica.

Confira aqui as melhores opções de balanças antropométricas do mercado!

Mesa auxiliar

As mesas auxiliares podem ajudar em qualquer momento do atendimento à saúde, dando suporte firme para todos os equipamentos necessários na hora do atendimento.

Cama hospitalar

As camas hospitalares garantem muito mais conforto para o paciente acamados. Elas são totalmente ergonômicas e ajustáveis em diferentes movimentos que podem facilitar na hora dos cuidados diários.

Além disso, as camas hospitalares são equipadas com rodas nos pés e barras laterais, aumentando o conforto para profissionais que precisam manuseá-la e também a segurança do paciente.

Confira as melhores opções de camas hospitalares!

Carrinho de curativo

Os carrinhos de curativos são essenciais no dia-a-dia de cuidados hospitalares, seja em casa ou no estabelecimento de saúde.

Eles são leves e compactos, o que facilita no transporte dos insumos médicos para cuidados e curativo dos pacientes, sem ocupar muito espaço.

Você poderá encontrar opções com ou sem suporte para bacia de higienização, de acordo com a necessidade do paciente ou do seu negócio!

Compre o melhor carrinho de curativo na Mobiloc!

Desfibriladores

Ter um desfibrilador disponível é de extrema importância, tanto para estabelecimentos de saúde, quanto para locais de grandes circulação, como shoppings e centros de eventos, por exemplo.

Mesmo parecendo ser algo fácil de se escolher, ao comprar um desfibrilador você deverá priorizar qualidade do produto e garantia do fornecedor.

A vida de alguém pode ser colocada em risco se você não está atento!

Conferir as melhores marcas de desfibriladores do mercado!

Detector fetal

Ter um detector fetal entre os seus equipamentos médicos hospitalares pode facilitar muito na hora do atendimento feminino, principalmente quando se trata de consultório ginecológico.

O detector fetal permite que você possa descobrir ou verificar a saúde do bebê sem exames complexos e demorados, que muitas vezes podem apresentar certos riscos para as gestantes.

O detector fetal pode ser encontrado de forma portátil ou de mesa e possui um sistema simples de manuseio.

Escolha o seu detector fetal agora mesmo!

Dicas e cuidados gerais com os equipamentos médicos hospitalares

equipamentos medicos hospitalares dicas cuidados gerais

Hospitais, clínicas e consultórios de todo o mundo estão sofrendo um aumento no fluxo de pacientes.

Consequentemente, há uma necessidade crescente de manter o equipamento médico hospitalar e fornecer instalações de diagnóstico aprimoradas. Por isso, separamos algumas dicas para você:

Gerencie a manutenção

Ao gerenciar um hospital, comece documentando todos os ativos em estoque para planejar as atividades de manutenção em todos eles. 

Identifique diferentes tipos de equipamentos médicos hospitalares por tipo e insira-os em um sistema de gerenciamento on-line.

Dessa forma, cada dispositivo tem seu próprio ID exclusivo e pode ser rastreado facilmente. Além disso, use etiquetas de código de barras para registrar detalhes relevantes de cada ativo.

A entrada automatizada de dados reduz o risco de erro humano, para que os hospitais possam reter dados precisos o tempo todo. 

Para simplificar o processo, divida o inventário em diferentes categorias, como equipamentos de imagem, dispositivos integrados à TI ou materiais de consumo, como fluidos e medicamentos. 

Além disso, seu inventário precisa ser o mais abrangente possível. Além dos números de série dos ativos, adicione dados sobre a disponibilidade de dispositivos alternativos, a frequência de falhas e os custos de tempo de inatividade e reparo.

Adicionar campos personalizados é mais fácil ao usar um sistema robusto de gerenciamento de equipamentos médicos. 

Além disso, é muito importante gerenciar o ciclo de vida de cada equipamento e fazer uma auditoria periódica, para verificar estado do equipamento e qualidade.

Importância da calibração de equipamentos médicos

Cada item e dispositivo de um hospital é perfeitamente calibrado quando entregue, mas, após o uso, torna-se suscetível ao desgaste e pode necessitar de reparos técnicos a fim de recalibrá-lo. 

Cada vez que é usado, movido ou colidido, a calibração fica um pouco fora de alinhamento.

Se um equipamento sensível estiver desalinhado, poderá fornecer leituras imprecisas. Em algumas situações, isso pode significar a diferença entre um diagnóstico correto e uma oportunidade de diagnóstico precoce perdida. 

Em outros casos, como na cirurgia assistida por robô, pequenos erros de calibração podem causar danos físicos ou até morte.

Com que frequência o equipamento médico deve ser calibrado?

Esta é uma pergunta que tem uma resposta bem simples (e complexa, ao mesmo tempo): depende. 

Cada equipamento possui um requisito diferente, com base em sua escala de uso. Por esse motivo, é altamente recomendável criar um cronograma de calibração para cada peça de equipamento. 

Embora isso pareça uma tarefa tediosa, é a melhor maneira de garantir que todos os equipamentos sejam calibrados quando necessário. 

Ao criar um cronograma para calibração de equipamentos médicos, considere também o seguinte:

Recomendações do fabricante

Nove em cada dez equipamentos médicos virão com uma recomendação do fabricante de quando calibrar o instrumento. 

Por exemplo, muitos fabricantes recomendam calibrar uma pipeta a cada 6 meses, dependendo do uso.

Embora essas recomendações ofereçam um ótimo começo para a criação da frequência certa, é importante levar em consideração outros fatores.

Trauma nos equipamentos

Às vezes, é difícil evitar o trauma do equipamento. Por exemplo, um equipamento médico pode sofrer uma grande queda ou impacto físico que pode interferir no desempenho do equipamento. 

Se algo semelhante acontecer com o seu equipamento médico, é crucial que você recalibre antes do uso.

O equipamento também pode sofrer trauma devido a sobrecargas internas. Essas sobrecargas podem ocorrer devido a um alto volume de uso. 

Para garantir que o equipamento tenha o desempenho mais alto possível após uma sobrecarga, é importante recalibrá-lo antes de continuar o uso.

Quantidade de uso

Idealmente, o equipamento médico deve ser recalibrado com base na quantidade usada e por quanto tempo foi usado. 

Esse valor varia de acordo com o proprietário do equipamento; portanto, é importante basear os cronogramas de calibração de equipamentos médicos em torno de seu uso.

Faça a higienização e tome os cuidados ao utilizar os equipamentos

equipamentos medicos hospitalares higienizacao

A escolha do melhor método de esterilização é extremamente importante quando se trata de equipamentos médicos hospitalares. 

Na melhor das hipóteses, o uso de um método inadequado ou insuficiente de esterilização pode impedir que seu equipamento médico receba autorização da Anvisa e de outros órgãos reguladores. 

Na pior das hipóteses, a esterilização inadequada pode resultar na transmissão de doenças infecciosas que podem levar à doença ou morte do paciente.

Limpeza

As limpezas são feitas para retirar as sujeiras visíveis, como poeira, medicamentos e secreções. 

A limpeza é recomendada como método de higienização e organização do ambiente hospitalar.

Desinfecção

A desinfecção tem como objetivo reduzir o número de microrganismos para uma quantidade segura para a saúde. 

Para isso, são utilizados produtos específicos que são aplicados à superfície logo após a limpeza da sujeira visível. 

Mobiliário, chão, paredes, portas, janelas, utensílios de alimentação e até mesmo as roupas do paciente devem ser limpas e higienizadas, para evitar a proliferação de microrganismos que possam comprometer a saúde do paciente.

Esterilização

Por último, temos a esterilização. Ao contrário do que muita gente imagina, a esterilização está sempre um degrau acima da desinfecção.

Isso porque enquanto a desinfecção reduz a quantidade de microrganismos em uma superfície, a esterilização elimina todos os microrganismo, tornando o ambiente ou item totalmente livre de possibilidade de infecção.

Podemos citar aqui, por exemplo, a diferença entre os materiais cirúrgicos (esterilizados) e os materiais de curativos comuns, como um band-aid, por exemplo. 

Enquanto os materiais cirúrgicos devem ser totalmente estéreis e precisar ser utilizado em um ambiente fechado, os band-aids são seguros para curativos, mas podem ser manuseados em qualquer local.

Geralmente, a esterilização é feita em estufas muito quentes, com produtos específicos, que eliminam todos os microrganismos!

Documentação

É muito importante que você guarde toda a documentação de compra, garantia e manutenção dos seus equipamentos médicos hospitalares. 

O ideal é que cada equipamento tenha um arquivo próprio, onde poderá ser armazenado a nota fiscal, ordem de compra e entrega do fornecedor, termos de garantia, manual, fichas de calibragem e manutenção, agenda, orçamentos e quaisquer outros documentos que o seu equipamento médico hospitalar possa gerar.

Transporte

O transporte dos equipamentos médicos hospitalares devem ser feitos, preferencialmente, por profissionais especializados, já que a grande maioria possui uma sensibilidade maior à movimentação.

Existem diversas empresas que podem fazer esse serviço de forma interna na sua clínica ou hospital, e até mesmo em mudanças de sedes e estabelecimentos.

Como escolher fornecedores de equipamentos médicos?

Os fornecedores de equipamentos médicos hospitalares são responsáveis ​​por oferecer uma variedade de equipamentos para empresas de engenharia, laboratórios, fabricantes ou instalações médicas.

Dependendo da empresa, eles fornecem instrumentos cirúrgicos, médicos e hospitalares e aparelhos ortopédicos e protéticos. Eles também fornecem equipamentos e instrumentos dentários. 

A maioria das empresas também oferece insumos, como produtos farmacêuticos, cosméticos e produtos de higiene pessoal menores.

Saber escolher corretamente o seu fornecedor de insumos e equipamentos médicos hospitalares poderá ser decisivo na hora de garantir total qualidade de atendimento no seu estabelecimento de saúde.

Dicas para acertar na escolha de fornecedores para sua clínica

equipamentos medicos hospitalares dicas fornecedores

Seu primeiro passo deve ser educar-se sobre os diferentes distribuidores de insumos e equipamentos médicos hospitalares disponíveis na sua região.

Faça sua pesquisa. Quais são os seus pontos fortes? O que os diferencia de outros fornecedores?

É claro que há vários fatores a serem considerados ao encontrar os melhores fornecedores de equipamentos médicos para suas necessidades. Nesse caso, o tamanho é importante.

Alguns distribuidores se concentram em pequenos mercados muito específicos, enquanto outros são grandes distribuidores com vastas quantidades de recursos.

As empresas menores têm o benefício de representar menos clientes e, portanto, terão mais tempo para você. 

Há também a chance de eles serem mais agradáveis ​​de trabalhar, pois ficarão entusiasmados com o seu apoio.

Embora as grandes empresas possam ter mais recursos, elas podem estar sobrecarregadas. No entanto, esta é apenas uma observação geral e nem sempre é o caso.

Em seguida, é fundamental que você entenda as necessidades exclusivas da sua clínica ou hospital.

Como dissemos acima, existem muitos distribuidores médicos de tamanhos diferentes. O tamanho do seu negócio terá um papel fundamental na determinação do melhor ajuste.

Obviamente, diferentes empresas atenderão a diferentes empresas, dependendo do produto ou serviço que oferecem.

Antes de fazer a escolha, você precisará determinar quais empresas têm os recursos, tempo e habilidades para fazer justiça ao seu produto.

Essa é uma pesquisa essencial, pois não compreender adequadamente as necessidades da sua empresa nesse estágio pode levar a atrasos e a despesas adicionais.

Por mais que você saiba, também é importante mencionar a qualidade dos produtos e confiabilidade das marcas oferecidas pelo fornecedor de equipamentos médicos. 

Afinal, estamos lidando com compra e venda de equipamentos médicos hospitalares. Vidas dependem das leituras precisas dos equipamentos.

Portanto, é de vital importância encontrar um fornecedor médico que garanta os mais altos níveis de qualidade possíveis. Você simplesmente não pode se dar ao luxo de economizar.

Outra vantagem do equipamento de alta qualidade é que ele será mais durável.

Independentemente do tipo de equipamento médico que você está procurando, a qualidade é a prioridade número um.

O equipamento usado diretamente nos pacientes será examinado minuciosamente pelos profissionais médicos e pelos próprios pacientes.

A última coisa que você quer é ser criticado por um paciente, médico ou autoridade por dispositivos de aparência barata ou camas de hospital barulhentas.

Além da garantia, preste atenção à ISO e outras certificações. Estes são indicadores importantes em relação ao nível de qualidade do equipamento.

Recomendamos analisar uma variedade de fornecedores antes de escolher.

Pode ser necessário escolher entre cinco boas opções, dependendo de suas necessidades. Se seus critérios forem relativamente simples, talvez seja necessário considerar apenas dois fornecedores médicos.

No entanto, se suas necessidades forem complicadas ou demoradas, vale a pena considerar várias opções. Ampliar sua pesquisa demonstra a devida diligência e prova que você está se esforçando ao máximo no processo.

Para comprar equipamentos médicos maiores, lembre-se dos custos de remessa ou correio.

Equipamentos menores, como produtos de higiene pessoal, suprimentos de primeiros socorros ou equipamentos importados, são mais fáceis de transportar.

Onde comprar equipamentos médicos hospitalares de qualidade?

Para encontrar equipamentos de qualidade para a sua clínica ou hospital, você precisa de bem mais do que uma loja tradicional.

Quando falamos de equipamentos hospitalares, estamos falando de itens que precisam ter qualidade desde a fabricação, até o suporte após a entrega do produto.

Com o mercado cada vez mais digitalizado, fica mais fácil encontrar preços muito mais atraentes para os negócios, com garantia de entrega rápida e total suporte ao cliente, mesmo após a entrega do produto.

Aqui na Mobiloc você encontra as melhores marcas de equipamentos hospitalares, com preços imperdíveis, ofertas exclusivas e garantia de qualidade.

Aqui, os nossos cuidados começam nas escolhas de nossos fornecedores, passando pela armazenagem, manuseio, entrega, suporte e o principal: o preço!

Conheça e garanta equipamentos hospitalares com total segurança e qualidade!

Conclusão

Seja para reposição de aparelhos médicos ou para a inauguração de uma nova unidade médica, a escolha dos equipamentos hospitalares pode influenciar muito no orçamento total do projeto e também na qualidade do atendimento.

Garanta total assistência ao paciente e condições de trabalho aos seus funcionários, providenciando equipamentos seguros e registrados na Anvisa e com total qualidade desde a fabricação.

Fale com os nossos especialistas e entenda como só a Mobiloc pode garantir o melhor atendimento em suprimentos, móveis e equipamentos médicos hospitalares!

Confira nossos outros artigos:

Post Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 2 =